Projeto CONSCIÊNCIAS no Novembro Negro

Rascunho automático 23

CONSCIÊNCIAS NO NOVEMBRO NEGRO

Novembro Negro é o calendário emblemático de lutas e mobilizações pela afirmação do povo negro, combate ao racismo, à intolerância religiosa e garantia dos direitos. Ao longo de todo o mês, um conjunto de organizações da sociedade civil e do Estado realizam diversas atividades, cujo ponto alto é o 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra. Aqui no Sesc RJ, o combate ao racismo é uma pauta que tratamos de forma contínua. À medida que práticas racistas se manifestam diariamente, entendemos que ações educativas e antirracistas devem se intensificar, para além das datas mais conhecidas, pois o racismo estrutura todas as relações sociais no Brasil.

A Gerência de Educação do Sesc RJ lançou, em abril, o projeto CONSCIÊNCIAS, que tem por objetivo implementar ações educativas de combate ao racismo de forma sistemática, promovendo a educação antirracista e contribuindo para fomentar o pensamento crítico e a mudança de comportamento dos participantes.  O projeto já realizou mais de 100 ações educativas no formato multilinguagem, tendo envolvido mais de 50 profissionais, entre artistas, pesquisadores, professores em um amplo debate acerca do racismo estrutural brasileiro e seus impactos nas nossas sociabilidades.

 


Programação CONSCIÊNCIAS durante o Novembro Negro


Debate com Lázaro Ramos

Data: 30/11
Horário: 17h | Gratuito
Local: São João de Meriti

 

Projeto CONSCIÊNCIAS no Novembro Negro 1

 


Marcando o Novembro Negro, o projeto CONSCIÊNCIAS, na unidade São João de Meriti, convida o ator e diretor Lázaro Ramos para um bate-papo a partir da exibição do filme “Medida Provisória” , retratando o protagonismo negro nas produções do conhecimento, de artes e de tecnologias. Fortalece, assim, um presente-futuro que não seja evidenciado pelo racismo, opressão e violência, mas, representatividade e valorização/positivação da identidade negra.

Sinopse do filme “Medida Provisória”:
Em uma iniciativa de reparação pelo passado escravocrata, o governo brasileiro decreta uma medida provisória e provoca uma reação imediata no Congresso Nacional. Os parlamentares aprovam uma medida que obriga os cidadãos negros a se mudar para a África na intenção de retomar as suas origens. A aprovação afeta diretamente a vida do casal formado pela médica Capitú e pelo advogado Antonio, além de seu primo, o jornalista André, que mora com eles no mesmo apartamento. Diretor: Lázaro Ramos

A exibição do filme ocorrerá no teatro da unidade São João de Meriti e estará sujeito à lotação máxima.

Para maiores informações, entrar em contato através do e-mail: leandro.ferra@sescrio.org.br.
Informações sobre o projeto CONSCIÊNCIAS: adriano.rocha@sescrio.org.br.

Unidade Ramos

MARGINAL Y- GUAÇU
09 a 11/11 | 9h | TERÇAS A SEXTAS | LIVRE | GRÁTIS
A programação faz parte do projeto CONSCIÊNCIAS que visa fomentar o pensamento crítico e a mudança de comportamento dos participantes, contribuindo para uma sociedade mais justa, igualitária e antirracista, realizando apresentações do espetáculo, que aborda narrativas dos povos indígenas e africanos que viveram a experiência da diáspora no Recôncavo da Guanabara, seguidas de conversas mediadas pelos pesquisadores que fundamentaram a atividade, com a participação especial de Nielson Bezerra, Pós-doutor em História da Diáspora Africana (York University, Canadá;) e Diretor de Pesquisa do Museu Vivo do São Bento, e, ainda, a oficina “Vivência de corpo e dança – O corpo é campo de memórias”,   com experimentações que proporcionam a vivência prática do público no processo criativo da construção desta realização.

Local: Colégios Estaduais da área de abrangência da unidade Ramos

REFLEXÕES E DIÁLOGOS PARA A CONSTRUÇÃO DE PRÁTICAS ANTIRRACISTAS
03 a 24/11 | 10h | TERÇAS E QUINTAS I LIVRE | GRÁTIS
O ciclo de oficinas conta com a parceria das integrantes do Comitê Pró – Equidade de Gênero e Raça da Fiocruz que abordarão diferentes aspectos que contribuirão para práticas antirracistas, com os temas:
“Letramento racial: Identidade e representatividade” com Hilda S. Gomes, Mestre em Educação, docente no programa de pós graduação da Fiocruz; “Por uma sociedade antirracista: onde eu entro nessa história?”, com Roseli Rocha, Doutora em Serviço Social, Assistente Social no IFF Fiocruz; “Empreendedorismo e mercado de trabalho” com Meony S. dos Santos; “Literatura, ancestralidade e resistência” com Fatima Loroza, Especialista em Promoção da Saúde e Desenvolvimento Social; “Comunicação pela diversidade: práticas antirracistas” com Marina Maria da Silva, Mestra em Comunicação, Informação e Saúde pela Fiocruz e tecnologista em saúde pública na Fiocruz.

Local: Colégios Estaduais da área de abrangência da unidade Ramos

APRESENTAÇÃO POETAS COMPULSIVOS, WORKBEAT E RAPLAB
14 a 20/11 | 14h | LIVRE | GRÁTIS
A apresentação vai reunir artistas da região de abrangência de Ramos que vão mesclar intervenções poéticas, com a discotecagem e show, convidando o público presente a participar do microfone aberto, no dia 20 de novembro, em uma programação conjunta na unidade Ramos.
Antecedendo a apresentação, do dia 14 a 19, serão realizadas as oficinas “Beatmaker” que vai propor para estudantes de ensino médio da rede pública de ensino uma experimentação na produção de música eletrônica, utilizando softwares e equipamentos de um setup profissional, que será complementada com a oficina RapLab, que vai proporcionar que os estudantes possam produzir coletivamente e colaborativamente uma música na linguagem musical do Rap, oportunizando que os participantes ensaiem e gravem a música no estúdio móvel montado para a atividade.

Local: Colégios estaduais da área de abrangência e unidade Ramos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

EXPOSIÇÃO MULTILINGUAGEM: O PASSADO E O PRESENTE NA CONSTRUÇÃO DE FUTUROS NEGROS
25 a 30/11 | 14h | LIVRE | GRÁTIS
A exposição multilinguagem tem como enfoque apresentar os cientistas, Antônio Carlos (pesquisador e professor de Física Atômica e Molecular), Brunna Cannes (psicóloga, psicanalista e e doutoranda em Memória Social pela UNIRIO), Pâmela Carvalho (Historiadora, mestra em Educação, e coordenadora na Redes da Maré), Roseane Maria Corrêa (doutoranda em Saúde Pública pela ENSP/Fiocruz, pesquisadora sobre a saúde da mulher negra) suas trajetórias e trabalhos, e os artistas Ana Brito (artista visual e escritora), Davi de Macena (artista multilinguagem da Maré), Larissa Chagas (estudante de Arquitetura e Urbanismo e artista visual), e Nlaisa Luciano (educadora popular e pesquisadora em audiovisual), que desenvolvam sua arte com a estética afrofuturista, inspirados nestes cientistas, ambos relacionados aos contextos do território da unidade, seguida de roda de conversa com os participantes da 1ª e 2ª edição, com mediação das curadoras.

Local: Unidade Ramos

APRESENTAÇÃO MAIS UNS CONTOS
03, 10, 17/11 | QUINTAS | 10h | LIVRE | GRÁTIS

O projeto Consciências do Sesc RJ visa fomentar o pensamento crítico e a mudança de comportamento dos participantes, para que assim, possamos contribuir para uma sociedade mais justa e igualitária, combatendo o racismo e todas as suas interseções. A atividade proposta consiste em três sessões de contação de histórias denominada “Mais Uns Contos” com Juliana Correia – BaObazinhO. O trabalho alia arte, memória e educação a partir de contos da tradição oral africana e afrodiaspórica.

Local:  Fazendinha Sesc

CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS – A LENDA DA BONECA ABAYOMI
20/11 – DOMINGO | 15h | LIVRE | GRÁTIS

O projeto Consciências do Sesc RJ visa fomentar o pensamento crítico e a mudança de comportamento dos participantes, para que assim, possamos contribuir para uma sociedade mais justa e igualitária, combatendo o racismo e todas as suas interseções. Dircéa Damasceno contadora de histórias estará apresentando a história em torno da temática da confecção da boneca que é feita sem uso de cola ou costura, somente tiras de pano. A história da boneca Abayomi representa um símbolo de resistência , tradição e poder feminino. Para acalentar seus filhos durante as terríveis viagens a bordo dos tumbeiros navio de pequeno porte que realizava o transporte de escravos entre África e Brasil, as mães africanas rasgavam retalhos de suas saias e a partir deles criavam pequenas bonecas, feitas de tranças ou nós, que serviam como amuleto de proteção. As bonecas, símbolo de resistência, ficaram conhecidas como Abayomi, termo que significa ‘Encontro precioso’, em Iorubá.

Local: Sesc Ramos

OFICINA POR UMA SOCIEDADE ANTIRRACISTA: ONDE EU ENTRO NESSA HISTÓRIA?
Data: 10/11
O tema “Por uma sociedade antirracista: onde eu entro nessa história?” será desenvolvido por Roseli Rocha, Doutora em Serviço Social, Mestra em Política Social, Assistente Social no IFF Fiocruz.

OFICINA EMPREENDEDORISMO E MERCADO DE TRABALHO
Data: 17/11
O tema “Empreendedorismo e mercado de trabalho” será desenvolvido por Meony S. dos Santos, Profissional de Bio-Manguinhos/Fiocruz, docente no Senac RJ, graduada em Matemática, com pós-graduação em docência da Educação Superior e MBA em Gestão de projetos pela Cândido Mendes.

OFICINA COMUNICAÇÃO PELA DIVERSIDADE: PRÁTICAS ANTIRRACISTAS
Data:
24/11
O tema “Comunicação pela diversidade: práticas antirracistas” será desenvolvido por Marina Maria da Silva, Mestra em Comunicação, Informação e Saúde pela Fiocruz, graduada em Jornalismo e tecnologista em saúde pública na Fiocruz.

 

Unidade Madureira

Passeio pela Pequena África com o SESC+ Infância
16 e 17/11
O projeto CONSCIÊNCIAS promoverá um tour pelo território da Pequena África (Gamboa/Centro) para as crianças e familiares do projeto Sesc+ Infância da unidade Madureira. A proposta visa apresentar os territórios históricos que narram a origem da população negra na cidade do Rio de Janeiro com um recorte identitário, cultural e educativo. Convidaremos Cosme Felippsen, líder comunitário local com longa experiência em mediações na região.

 

Unidade São João de Meriti

Espetáculo Turmalina 18-50
Data: 22/11
Horário: 17h
O projeto CONSCIÊNCIAS celebra a memória da vida de João Cândido, líder da Revolta da Chibata que levou ao fim os castigos corporais na Marinha Brasileira. A apresentação refaz os caminhos percorridos pelo “Almirante Negro” como forma de celebrar sua história e combater o apagamento de sua memória, promovido sistematicamente pelos “brasis oficiais”. Destaca-se ainda, o último endereço onde viveu João Cândido Felisberto, em São João de Meriti, que dá título ao espetáculo.

Curso Pensadores que Constroem uma Educação Antirracista
Datas: 16, 23 e 30/11
O curso apresenta ao público os principais pensadores e intelectuais que, ao longo dos últimos anos, constroem e atuam diretamente a favor de uma educação antirracista através de suas práticas e metodologias.
O curso será ministrado pelo professor Vladimir de Oliveira. Vladimir é coordenador pedagógico e articulador social com vivência em atividades escolares em período integral, além de prática educacional em movimentos sociais e ONGs. O curso acontecerá no Ciep Brizolão, 179.

Debate com Lázaro Ramos
Data: 30/11
Horário: 17h | Gratuito
Marcando o Novembro Negro, o projeto CONSCIÊNCIAS, na unidade São João de Meriti, convida o ator e diretor Lázaro Ramos para um bate-papo a partir da exibição do filme “Medida Provisória” , retratando o protagonismo negro nas produções do conhecimento, de artes e de tecnologias. Fortalece, assim, um presente-futuro que não seja evidenciado pelo racismo, opressão e violência, mas, representatividade e valorização/positivação da identidade negra.

Sinopse do filme “Medida Provisória”:
Em uma iniciativa de reparação pelo passado escravocrata, o governo brasileiro decreta uma medida provisória e provoca uma reação imediata no Congresso Nacional. Os parlamentares aprovam uma medida que obriga os cidadãos negros a se mudar para a África na intenção de retomar as suas origens. A aprovação afeta diretamente a vida do casal formado pela médica Capitú e pelo advogado Antonio, além de seu primo, o jornalista André, que mora com eles no mesmo apartamento. Diretor: Lázaro Ramos

A exibição do filme ocorrerá no teatro da unidade São João de Meriti e estará sujeito à lotação máxima.

Para maiores informações, entrar em contato através do e-mail: leandro.ferra@sescrio.org.br.
Informações sobre o projeto CONSCIÊNCIAS: adriano.rocha@sescrio.org.br.

© Copyright Portal da Educação Sesc RJ 2022 - Todos os direitos reservados | Serviço Social do Comércio – Rio de Janeiro