CONSCIÊNCIAS - Tempo de Esperançar

CONSCIÊNCIAS – Tempo de Esperançar

 

O projeto CONSCIÊNCIAS tem por objetivo promover a discussão e a reflexão acerca das temáticas e problemáticas relacionadas à questão de raça e o racismo estrutural brasileiro. O projeto se organiza por meio de programações educativas contínuas, tendo por base as ciências humanas e sociais. Em articulação com territórios, sujeitos, instituições, busca-se implementar uma programação sistemática distribuída pelas unidades do Sesc RJ, locais externos e parceiros, promovendo a educação antirracista em consonância à Lei Federal 10.639/03. O projeto é realizado em formato multilinguagem, com realizações em oficinas, cursos, rodas de conversas, tour/passeio, apresentações, exposições, etc. Direcionado ao público em geral, envolve diferentes atores sociais em um amplo debate sobre o racismo e sua urgente superação.

 

“É preciso ter esperança, mas ter esperança do verbo esperançar, porque tem gente que tem esperança do verbo esperar. E esperança do verbo esperar não é esperança, é espera. Esperançar é se levantar, esperançar é ir atrás, esperançar é construir, esperançar é não desistir! Esperançar é levar adiante, esperançar é juntar-se com outros para fazer de outro modo”

(Paulo Freire).

 

Dados do Atlas da Violência de 2020 reafirmam a gravidade do preconceito racial no país, que é estrutural. No Brasil, em 2018, 75% das vítimas de homicídio eram negras. Em dez anos (2008 a 2018) as taxas de homicídios apresentaram um aumento de 11,5% para os negros, enquanto para os brancos houve diminuição de 12,9%. O racismo faz parte do processo civilizatório brasileiro. A miscigenação foi fruto da violência contra a população negra. A discriminação faz parte de nossa rotina, está presente no mercado de trabalho, na média salarial, na diferença de condições de moradia e de saneamento básico das populações negras marginalizadas. Mas novos ventos começaram a soprar em 2020: a reação popular nas ruas, praças e redes sociais contra a forma estúpida com que negros são expostos à violência. Percebemos que cresce na sociedade o repúdio ao racismo e que, sim, vidas negras importam. As eleições municipais também trouxeram uma expectativa de que é possível mudar, lutar por uma nação justa, por igualdade de oportunidades e de que não podemos abrir mão das políticas sociais afirmativas e de inclusão da história, literatura e cultura negra nas escolas e universidades e da representação nos poderes democráticos constituídos.

 

É possível mudar e construir um país justo e igualitário e pôr fim a toda forma de discriminação. É preciso retomar os caminhos da busca pela justiça social. Sabemos que os desafios para a realização de uma educação transformadora não são simples e nem fáceis. Precisamos apostar na esperança do verbo esperançar, ou seja, ir atrás, construir mediações entre o conhecimento, a cultura e os saberes e não desistir. É tempo de esperançar.

 

Nossos objetivos:

– Mobilizar pesquisadores, professores, alunos, artistas, profissionais das mais variadas áreas e a população em um amplo debate acerca do racismo estrutural brasileiro;
– Contribuir para a mudança de comportamento das pessoas, promovendo a educação antirracista;
– Buscar por meio de nossas ações educativas, enaltecer, valorizar e positivar a identidade negra, lançando luz à história do povo africano e afro-brasileiro ao que tange a sua valiosa contribuição para formação da sociedade brasileira;
– Contribuir para a redução de posturas e atitudes racistas;
– Circular conteúdos de referência para a mudança de perspectiva sobre o tema;
– Articular uma grande rede de apoio com sujeitos e instituições reconhecidos por sua atuação antirracista.

 



ALGUMAS PROGRAMAÇÕES DESTE ANO DO PROJETO CONSCIÊNCIAS

 

GUIA ANTIRRACISTA EM PORTUGUÊS, ESPANHOL E INGLÊS


CONSCIÊNCIAS – Respeitável Bloco
 – O “Respeitável Bloco” emerge como uma celebração vibrante e inclusiva, destacando-se por suas temáticas antirracistas, anticapacitistas, anti-homofóbicas e antigordofóbicas. Assim, o bloco se torna plural e uma ação de resistência e celebração da diversidade. Em meio à folia, o “Respeitável Bloco” transcende barreiras, promovendo uma festa que não apenas encanta, mas também inspira uma visão mais inclusiva e justa para todos.
Dia 09/02 (Sexta) – 20h
Local: Sesc Grussaí

 

CONSCIÊNCIAS – Baile Viver e Deixar Viver – Nesta celebração, a multiplicidade de culturas, identidades e expressões é comemorada de maneira inclusiva e calorosa com a apresentação de um DJ. O baile cria uma atmosfera festiva onde as singularidades são exaltadas, promovendo a compreensão e a aceitação recíproca. Uma vivência singular que enaltece a riqueza da diversidade e estimula a edificação de uma sociedade mais justa e igualitária.
Dia 09/02 (Sexta) – 21h
Local: Sesc Grussaí

 

UM POUCO DO QUE JÁ ROLOU

Programação do Projeto CONSCIÊNCIAS 25  Curso Preparatório 2      CONSCIÊNCIAS - Tempo de Esperançar 14CONSCIÊNCIAS - Tempo de Esperançar 15

© Copyright Portal da Educação Sesc RJ 2024 - Todos os direitos reservados | Serviço Social do Comércio – Rio de Janeiro